Resenha | Eragon

Resenha | Eragon

“O vento uiva pela noite trazendo consigo um aroma capaz de mudar o mundo.”

 

Nesta resenha não sinto que tenho um grande desafio, pois se trata de um livro que gostei, apesar da fracassada adaptação cinematográfica e pouco fiel, não sinto por isso nenhuma pressão, pois por ser pouco fiel fica claro que a obra é bem superior ao filme existente, só devo apresentar o enredo e os motivos pelos quais acredito que esta obra deve ser lida.

 

Título: Eragon
Autor:Christopher Paolini
Editora: Rocco
466 páginas
Sinopse: O protagonista é um jovem de 15 anos que, ao encontrar na floresta uma pedra azul polida, se vê da noite para o dia no meio de uma disputa pelo poder do Império, na qual ele é a peça principal. A vida de Eragon muda radicalmente ao descobrir que a pedra azul é, na realidade, um ovo de dragão. Quando a pedra se rompe e dela nasce Saphira, Eragon é forçado a se converter em herói.  Involuntariamente, o jovem é lançado para um arriscado mundo novo movido pelas tramas do destino, da magia e do poder. Empunhando apenas uma espada lendária e seguindo as sábias palavras de um velho contador de histórias, Eragon e o leal dragão terão de se aventurar por terras perigosas e enfrentar inimigos das trevas em um Império governado por um rei cuja maldade não conhece fronteiras.

 

Christopher tinha apenas 15 anos quando publicou a primeira edição de Eragon, sua obra apresentava algo recorrente na literatura, uma terra mística habitada por anões, homens, elfos e dragões e denominada  Alagaësia.

O primeiro livro começa narrando a história de um jovem abandonado pela mãe e deixado para ser criado por um tio, Eragon mora em um vilarejo no estilo medieval. Numa noite que saí para caçar ver a queda do que parece ser um meteoro, ao buscar a clareira deste descobre uma grande pedra oval brilhante, acreditando que esta vale muito dinheiro a recolhe e guarda para vendê-la.

Algum tempo depois, após algumas reviravoltas, Eragon descobre que na verdade a pedra é um ovo de um dragão, que o escolheu para ser seu cavaleiro, embarcando assim em grandes aventuras ao travar uma luta contra Galbatorix, um ditador que antes já fora um homem honrado e cavaleiro de dragões, que enlouqueceu ao ver ser dragão e alguns amigos serem mortos.

Conseguindo outro dragão e provocando uma guerra contra os cavaleiros que se recusaram a unir-se a ele Galbatorix se proclamou rei de Alagaësia. Eragon se unirá aos povos rebeldes recebendo treinamento de Brom, um estranho homem de seu vilarejo que na verdade já foi um cavaleiro, lutando pelo fim da tirania e pela liberdade de sua terra.

O livro possui 468 páginas e não é o tipo de livro que deve ser lido com pressa, mas sim paciência, pois em razão da imaturidade do jovem autor a trama se desenvolve de maneira arrastada e cria muitas perguntas que demorarão a serem respondidas.

Desta forma, é um bom livro para quem gosta da temática, mas um livro para ser lido com paciência o que acaba por limitar o numero de leitores, pois os mais apressados poderão se perder no desenrolar da trama ficando até mesmo confuso com os acontecimentos.

Atualmente o livro faz parte de uma série intitulada O Ciclo da Herança, todos os 4 livros foram lançados no Brasil pela editora Rocco.

 

Lady Hortencia

20 e poucos anos, estudante de Direito, curte um bocado de cultura nerd e artes visuais, nas horas vagas cuida da sede desse Conselho e tenta manter tudo em ordem

More Posts

Commentários

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *